Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID)
A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) apoia 17 Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) que têm como missão desenvolver investigação fundamental ou aplicada, focada em temas específicos; contribuir ativamente para a inovação por meio de transferência de tecnologia; e oferecer atividades de extensão voltadas para o ensino fundamental e médio e para o público em geral.

O financiamento total para os 17 Centros está estimado em cerca de R$ 1,4 bilhão, com R$ 760 milhões da FAPESP e R$ 640 milhões em salários pagos pelas instituições sedes aos pesquisadores e técnicos, por um período de 11 anos. Fundos adicionais serão obtidos pelos Centros junto à indústria e outras agências de financiamento à pesquisa.

Cada um dos CEPIDs será acompanhado por um comitê consultivo internacional e seus resultados e planos de pesquisa terão sua continuidade avaliada pela FAPESP, no 2º, 4º e 7º anos.

Os temas de pesquisa dos 17 Centros incluem: alimentos e nutrição; vidros e cerâmica; materiais funcionais; neurociência e neurotecnologia; doenças inflamatórias; biodiversidade e descoberta de novas drogas; toxinas, resposta imune e sinalização celular; neuromatemática; ciências matemáticas aplicadas à indústria; obesidade e doenças associadas; terapia celular; estudos metropolitanos; genoma humano e células-tronco; engenharia computacional; processos oxidantes e antioxidantes em biomedicina; violência; e óptica, biofotônica e física atômica e molecular.

O processo de seleção dos 17 CEPIDs mobilizou 150 revisores brasileiros e estrangeiros e um comitê internacional composto por 11 cientistas convidados, além dos comitês internos da FAPESP. As propostas foram avaliadas pelo mérito científico, ousadia, originalidade, competitividade internacional e pela qualificação das equipes e suas lideranças.

O programa CEPID foi iniciado pela FAPESP em 2000, com suporte a 11 Centros de pesquisa de 2001 até 2013. Em 2011, foi anunciada uma segunda chamada de propostas, que deu origem aos 17 CEPIDs atualmente apoiados.

 
 
 
Publicações sobre o programa CEPID-FAPESP (em PDF):